segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

São Carlos derruba evasão escolar

Município alcança níveis próximos a zero em 2010
 
A Prefeitura de São Carlos (a 230 km de São Paulo) conseguiu reduzir a evasão escolar para níveis próximos a zero. A Secretaria de Educação do município divulgou índice de 0,07% de evasão em todo Ensino Fundamental regular da rede municipal em 2010. Em 2009, a evasão ficou em 0,88%.
 
Lourdes Moraes, secretária municipal de Educação, explica os investimentos realizados na secretaria. "A queda foi resultado de muito trabalho realizado pela secretaria e todos os funcionários da rede", afirmou. A secretaria investiu em projetos que garantiram a assistência e o reforço por meio de atividades durante o período de aulas e no contraturno. Os alunos que faltam também têm acompanhamento individual por parte da escola. Segundo Hilda Maria Monteiro, diretora do Departamento Pedagógico, essas ações, que deverão continuar em 2011, foram fundamentais para chegar a estes índices.
Entre os projetos desenvolvidos pela Secretaria Municipal de Educação que colaboraram para a queda do índice de evasão está o "Mais Educação", que oferece atividades extracurriculares como música e atividades esportivas fora do horário escolar. A secretaria colocou ainda um funcionário para verificar ausências, que realiza visita às residências dos estudantes e presta assistência às famílias dos alunos através de orientações.
 
    A prefeitura criou ainda o "Comunidade de Aprendizagem".  O projeto cultural e educativo promove atividades como Biblioteca Tutorada, com o atendimento no horário contrário às aulas para apoiar crianças, jovens e adultos em suas tarefas de casa, pesquisa e leitura. Outra experiência do município são os grupos interativos, onde são compartilhadas experiências de aprendizagem.
 
Edmir Nogueira | Ex-Libris 
-- 
farolcomunitario | rede web de informação e cultura
coletivo de imprensa