terça-feira, 30 de agosto de 2011

Fumin lança concurso de fotografia sobre gênero na América Latina e no Caribe

As fotos dos concorrentes devem mostrar como as mulheres e os homens na América Latina e no Caribe estão desafiando normas e estereótipos de gênero tradicionalmente presentes nos centros de trabalho

O Fundo Multilateral de Investimentos (FUMIN) do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) convida os fotógrafos amadores e profissionais para participar de seu concurso de fotografia de 2011, que busca mostrar como as mulheres e os homens na América Latina e  no Caribe estão desafiando normas e estereótipos tradicionais em seu local de trabalho.

Os competidores devem ter, pelo menos, 18 anos de idade e o prazo para submissão de trabalhos para participar do concurso de fotografia "Foco: Mudar perspectivas de gênero" é 1º de setembro de 2011. Vinte e cinco finalistas serão selecionados e os melhores trabalhos  serão apresentados no XIV Fórum Interamericano da Microempresa, Foromic 2011, a ser realizada em San José, Costa Rica, entre os dias 10-12 de Outubro. O vencedor receberá um prêmio de US$ 3.000.

Os competidores devem mostrar fotos de mulheres desempenhando papéis tradicionalmente dominados pelos homens, ou homens que trabalham em áreas não tradicionais. As situações escolhidas devem ocorrer em qualquer dos países membros prestatários do BID. Um painel de juízes vai avaliar as propostas com base na originalidade, na eficácia quanto às normas de gênero, na excelência técnica, na composição, no seu impacto e no mérito artístico.

Os trabalhos vencedores e finalistas farão parte da galeria de fotografia permanente do BID, que será apresentada durante o outono de 2011 no site do BID, através de uma exposição virtual, também inserida em outras publicações do Fumin.

A competição é uma parte importante das iniciativas de gênero realizadas pelo Fumin em conjunto com o Centro Internacional de Pesquisa sobre a Mulher. O Fumin busca se tornar um líder mobilizador para prestar assistência técnica e para promover a integração de gênero no setor privado e tem, ainda, o objetivo ser um agente de todas as associações regionais que apoiam a igualdade de gênero e o empoderamento das mulheres na região.

via Janaina Goulart | BID Brasil
-- 
FarolCom | Coletivo de Imprensa
rede web de informação e cultura