quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Fim de semana será de tempo instável e alerta em quase todo o país

Grandes volumes de chuva são esperados em várias localidades brasileiras, segundo a Climatempo

A quantidade de nuvens aumentou muito de ontem para hoje na Grande Belo Horizonte. Segundo o INMET, das 14h de ontem até às 7h de hoje foram acumulados 49 mm de chuva na região da Pampulha, em Minas Gerais.

A quinta-feira também amanheceu com chuva em várias áreas do oeste e norte do Estado de São Paulo. Já no Rio de Janeiro, o calor já era intenso (30°C) às 8h da manhã. Toda essa nebulosidade e a frente fria que está no litoral de São Paulo deixa o tempo mais instável na Região Sudeste. Há previsão de fortes pancadas de chuva, acompanhado de raios e trovoadas. 

Amanhã, a maior parte do Brasil terá um dia com muitas nuvens, mormaço, ar abafado e pancadas de chuva. 

Alerta para fim de semana com muita chuva 

Até sábado, uma frente fria parada no litoral de São Paulo e Rio de Janeiro ajuda a formar nuvens pesadas de chuva. A presença deste sistema - juntamente com o ar quente e úmido - irá colaborar para a formação de grandes áreas de chuva sobre a Região. 

No Vale do Paraíba, Angra dos Reis, São Luís do Paraitinga, Cunha, Atibaia e Serra da Mantiqueira, o volume de chuva não deve ser igual ao que ocorreu no Ano Novo, porém os terrenos nestas localidades estão encharcados e muito instáveis. Qualquer chuva pode causar novos deslizamentos e transbordamento de rios, principalmente em áreas de relevo. 

O alerta é de chuva forte também no Amapá, Rondônia, centro sul de Minas. No Paraná, Santa Catarina, principalmente no Vale do Itajaí e Grande Curitiba, a previsão é de céu nublado. A meteorologia da Climatempo alerta para grandes volumes de chuva que estão sendo esperados para o Sul do Pais. A Região fica sujeita ao risco de deslizamentos e transbordamentos. 

Sobre o Grupo Climatempo

O Grupo Climatempo é a maior empresa privada de meteorologia do país. Fornece, atualmente, conteúdo para mais de 50 retransmissoras nacionais de televisão, para rádios de todo o Brasil e para os principais portais. Com cerca de 1.100 clientes, a empresa atua principalmente em dois segmentos: o de agronegócios e o de meios de comunicação. Oferece também conteúdo meteorológico estratégico para empresas de moda e varejo, energia elétrica, construção civil, transporte e logística, além de bancos, seguradoras e indústrias farmacêutica e de alimentos. O Grupo é presidido pelo meteorologista Carlos Magno que, com mais de 23 anos de carreira, foi um dos primeiros comunicadores da profissão no País.

Linhas&Laudas Comunicação
www.linhaselaudas.com.br

--
farolcomunitario | rede web de informação e cultura